HOT NEWS
Sex, 13 de Fevereiro de 2015 09:23    PDF Imprimir E-mail
Fim do acordo com o México prejudica os trabalhadores(as)

Com o fim do acordo, o Brasil votará a possuir um mercado de livre comércio com o México, firmado pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso em 2002. Como o carro fabricado lá tem um custo abaixo do brasileiro (a mão de obra é mais barata, a carga tributária é menor e as leis trabalhistas são mais brandas), existe uma clara possibilidade de que a produção de carros seja, aos poucos, transferida paras plantas mexicanas, causando a redução dos postos de trabalho no setor aqui no Brasil.

Vale destacar que o México vem promovendo políticas de desregulamentação de direitos e que passou os últimos dez anos crescendo a uma taxa média anual inferior a observada no Brasil. Ainda possuía, em 2013, 52% da sua população abaixo da linha da pobreza, sem possibilidades de ascensão social.

Milson Antunes Pereira, integrant do CSE da Ford e diretor financeiro do Sindicato

 

Expediente

Presidente  
Hernani Lobato
presidencia@sindmetau.org.br


Endereço

Rua Urupês, 98 - Chácara do Visconde - Taubaté - SP - CEP 12060-080
Fone (12) 2123-4300 - Fax (12) 2123-4318
E-mail: sindmetau@sindmetau.org.br

CNM  CUT

FEM         Brasil Atual