TRABALHADORES APROVAM ESTABILIDADE DE 60 DIAS NA LG

Depois da demissão de 55 funcionários da LG Electronics, de Taubaté, os trabalhadores da empresa aprovaram a estabilidade de dois meses, a continuidade das conversas para um melhor acordo financeiro para os demitidos e o estado de greve.

A decisão foi tomada na manhã desta quarta-feira (24) durante assembleia realizada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté e Região (Sindmetau). De acordo com o presidente do Sindicato, Claudio Batista, o Claudião, as negociações com a empresa vinham ocorrendo há alguns dias.

“Em função de problemas financeiros, a intenção da empresa era demitir 143 funcionários. Conversamos e esse número baixou para 74. O diálogo continuou e caiu para 55, limite final, e ontem (terça-feira – 23), a LG desligou esses trabalhadores. Este foi o motivo da assembleia.” Ainda conforme Claudião, o Sindicato vai iniciar as negociações para tentar melhorar o acordo financeiro dos demitidos.

O presidente do Sindicato afirmou que se a estabilidade de dois meses não for cumprida, os trabalhadores poderão paralisar as atividades, uma vez que o estado de greve já foi aprovado em assembleia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *